A briga entre moradores da Rua Vitório Magnavacca e proprietários dos bares estabelecidos na rua teve mais um capítulo importante hoje, e tempos de paz podem estar se aproximando. Um termo de conciliação, pactuando algumas ações de ambas as partes para se chegar a um acordo, foi firmado em reunião no ano passado e agora assinado e homologado pelo Judiciário a partir da Camara de Conciliação realizada pela Polícia Civil. O termo foi assinado por todos os bares, representantes da UNI-BH, representantes dos moradores e também pela Associação do Bairro Buritis.

Esta rua é conhecida na região por abrigar diversos bares que são muito frequentados pelos alunos das universidades presentes no bairro, em especial do UNI-BH que fica bastante próximo. Houve muita confusão em diversas ocasiões, já que os bares são frequentados durante todo o ano letivo pelos alunos dos cursos noturnos. Mas a gota d’água foi no ano passado durante as chamadas calouradas – festas realizadas pelos alunos. A rua ficou inteiramente tomada durante esses eventos, e os moradores reclamaram bastante da atitude dos frequentadores e dos proprietários dos estabelecimentos.

Eles dizem que depois da abertura de 3 novos bares na área da rua Vitório Magnavacca, chegar em casa de carro é um desafio. Frequentadores de bares invadem a rua. Bebem e jogam garrafas pelo chão. Embora os alvarás dos bares não permitam shows, eles acontecem sem a menor preocupação com a vizinhança. “Havendo urbanidade e respeito ao ambiente em que estão inseridos, não haveria nada a reclamar, porém, infelizmente, o egoísmo, o desrespeito e a falta de cidadania, tem nos fornecido desconforto e um estresse intenso, a beira de insuportável!”, reclama um morador.

Depois de inúmeras reclamações, a ABB (Associação de Moradores do Bairro Buritis) acionou a polícia e realizaram um controle no dia em que seria realizada uma nova calourada, no ano passado. Após este evento foi providenciada uma reunião entre moradores, representantes dos alunos e proprietários do bares, de forma a tentar selar a paz. Dessa reunião surgiu um documento onde são firmados alguns pontos de acordo. Foi este documento que foi oficializado hoje e começa a valer. Entre os pontos pactuados, o mais importante deles é o que estabelece que os bares devem encerrar suas atividades comerciais até 0h, sendo que até 0h30 tem que estar com portas fechadas.

Abaixo, conheça todos os pontos acertados:

  • A UNI-BH realizará campanhas de orientação aos alunos para a não realização de eventos na Rua Vitório Magnavacca e informando sobre locais mais adequados para a realização de grandes eventos (calouradas principalmente).
  • A ABB fará a comunicação juntamente com moradores e comerciantes para a promoção de um convívio harmônico no local.
  • Os bares da Rua Vitório Magnavacca não farão promoção de eventos estudantis. Ficou acordado que será restringido na Rua eventos que atraem grande aglomeração de pessoas.
  • A PMMG será acionada para viabilizar que uma viatura ou a Base Móvel Comunitária fique na Rua com objetivo de coibir atos delituosos no local, permanência de ambulantes vendendo bebidas alcoólicas, os quais denigrem a imagem familiar dos bares e restaurantes em funcionamento no local, e também limitar a atuação de baderneiros e a utilização de carros de som que causam a perturbação do sossêgo dos moradores da região.
  • Os comerciantes se comprometem a ENCERRAR seus atendimentos e venda de bebidas alccólicas e similares até às 00:00h (meia-noite) e o fechamento das portas dos estabelecimentos até as 00:30h (meia-noite e trinta minutos); caso haja clientes nos estabelecimentos comerciais usufruindo dos serviços prestados este serão convidados a permanecer no interior dos estabelecimentos comerciais já fechados. 
  • Os comerciantes se comprometem também a produzir placas de aviso contendo o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, deixando-as em locais visíveis ao público.
  • As partes se comprometem a manter diálogo aberto, civilizado, na resolução de qualquer conflito vindouro.

 

A população do bairro espera que tenhamos chegado realmente a tempos de paz e que este seja o fim dessa guerra que já vinha se estendendo a algum tempo.

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Envie-nos uma mensagem

Enviando

©2018 Meu Bairro Buritis | Todos os direitos reservados

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account