Parece sorte, talvez milagre. Justamente no mais adensado dos bairros de Belo Horizonte há um córrego vivo em leito natural. O Cercadinho “tem sede” de revitalização e conta a história de gerações que beberam e ainda bebem de suas águas. Nascentes que abastecem desde o início a capital. É com o desejo de ver este bem da natureza vivo que dezenas de pessoas se uniram e participaram de uma mobilização, que culminou no plantio de diversas mudas de árvores próximo a uma de suas margens, para revitalizar a mata ciliar. Ainda apenas um pequeno passo, mas que foi dado!

Aluno do curso BH Itinerante, Eduardo Motta foi o idealizador da mobilização. Convidou vários grupos de preservação ao meio-ambiente de Belo Horizonte para participar, o que resultou na presença de cerca de 70 pessoas no encontro. “Foi maravilhoso ver toda esta gente aqui. Queremos abrir os olhos das autoridades para a importância de se preservar o Cercadinho e acredito que deu certo”.

A estudante Nataly Damaris acompanhou todo o encontro que, antes de fazer o plantio das árvores, também contou com uma travessia pelo chamado “Poção”. Cada momento vivenciado ficou marcado em sua mente. “É incrível. Imaginar que tem água limpa dentro de BH é surreal. Temos de fazer de tudo para manter esse lugar. Incentivar as grandes empresas a apoiar. Isto não pode parar, só multiplicar”, ressalta.

Além do plantio na margem do Cercadinho, outras mudas de árvores foram doadas ao viveiro do Uni-BH, para que possam crescer e mais tarde serem plantadas pelos quatro cantos da capital. “É o que chamamos de plantio coletivo. Chamar a população para ter esse desejo de plantar. Quem não gosta de ir a uma cachoeira, um rio, sentar embaixo de uma árvore e gostaria de ter isto bem perto de sua casa? Pois bem, este é o nosso desejo. Natureza para dentro da cidade”, finaliza Eduardo.

 

Fonte: Jornal do Buritis

 

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Envie-nos uma mensagem

Enviando

©2018 Meu Bairro Buritis | Todos os direitos reservados

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?