buritis2

O último entrave para que a parte mais nova do Bairro Buritis, Região Oeste de Belo Horizonte, seja entregue à Prefeitura de Belo Horizonte e passe a receber a manutenção da administração pública tem data para ser resolvido. Está marcado para hoje o início do recapeamento da Avenida Henrique Badaró Portugal, considerada a pendência final para que a Arcap Imóveis, loteadora da área conhecida como Buritis II, cumpra todos os requisitos de infraestrutura e entregue à Regional Oeste a última área de expansão do segundo bairro mais populoso da capital, com 29.374 moradores, segundo o censo de 2010 do IBGE.

Em 3 de março, após pedir à PBH um serviço básico de tapa-buraco, um morador recebeu a resposta de que a prefeitura não podia fazer nada, uma vez que ainda não havia recebido oficialmente o bairro da loteadora responsável.

Segundo a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, para que a empresa Arcap Imóveis possa entrar com a documentação para entregar o bairro, basta refazer o pavimento da Avenida Henrique Badaró Portugal, via que está cheia de crateras. Foi justamente essa avenida o alvo do pedido de tapa-buraco. Segundo a diretora financeira da Arcap Imóveis, Simone Caporali Ribeiro, o serviço que foi planejado com a BHTrans começa hoje e está previsto para durar quatro dias. “A prefeitura nos obrigou a refazer também a pista de cooper que existe no local, que não era responsabilidade nossa. Esse serviço só pode ser feito oito dias depois que o asfalto tiver sido trocado e, por isso, acho importante avisar a população, já que muitos podem achar que a pista não será reconstruída”, afirma.

Problemas Simone diz que há cerca de quatro anos vem tentando fazer a entrega do bairro, mas a prefeitura tem apontado problemas. Em março, quando o EM mostrou o problema, o secretário de Serviços Urbanos, Pier Senesi, informou que a empresa tem a responsabilidade de entregar o bairro em condições acordadas previamente e que não seria justo a administração municipal gastar dinheiro de toda a cidade para corrigir falhas do loteamento.

O secretário explicou na ocasião que a área em questão foi loteada na década de 80, anterior à Lei de Uso de Ocupação do Solo, instituída em 1996. Segundo Simone Caporali, depois que o serviço terminar, a prefeitura fará nova vistoria. “Se aprovado, a gente entra com a entrega parcial do bairro. Depois de um ano é que entramos com a entrega total e passamos tudo para a prefeitura”, afirma ela.

20150608080701792850u

 

Fonte: Estado de Minas

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Envie-nos uma mensagem

Enviando

©2019 Meu Bairro Buritis | Todos os direitos reservados

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?