Do Buritis para o mundo! A carreira do músico Bruno Tonelli acaba de alçar novos ares. Desde o último mês de dezembro, o artista está em turnê internacional. Convidado para participar do festival Worldfest, na Índia, Bruno irá passar dois meses no país asiático, onde irá visitar diversas cidades e aproveitar a ocasião para lançar seu novo projeto, o CD “Bruno Tonelli – SoloFértil”, que faz parte do repertório de sua carreira solo. No ano passado, ele esteve no mesmo festival, contudo, integrando a banda 7 Estrelo.

“SoloFértil” trará canções compostas por voz e violão apenas, mostrando o lado mais acústico de Bruno. De acordo com o músico, o público poderá esperar muita coisa boa deste novo projeto. “Esse CD trará as poesias e harmonias mais belas da minha carreira”, afirma. Além do “WorldFest”, Bruno Tonelli participará de outros dois importantes festivais tradicionais da Índia, em diferentes Estados: a 8ª edição do festival Internacional de Dança e Música “Cuttack Mahotsav’’, em Orissa, e do ‘’Shree Jagannath – Festival Internacional” em Nova Delhi, ambos representando o Brasil em meio a artistas de todo o mundo.

O morador do Buritis enfatiza a importância do investimento feito pelo Estado de Minas Gerais em seus artistas e sua cultura. “É de extrema importância a consciência e a visão definitiva de quão essencial e rica é a cultura para a vida cotidiana imediata e espiritual das pessoas, não só do nosso país, que precisa de muita atenção e incentivo, mas em relação a todo o planeta para o contínuo diálogo entre as próximas gerações”, argumenta.

Carreira internacional

Desde 2008, após o lançamento do primeiro disco de sua banda “7 Estrelo”, Bruno, ao lado de André Lanari e Thyala Serena, já viajou por 13 países da América do Sul, América do Norte, Europa, África e Ásia, frequentando feiras e conferências de encontro dos segmentos de mercado da música em nível mundial, como a Womex na Europa, CMJ em Nova York, CMW no Canadá, AME em Cabo Verde, na África, e WorldFest e Sitalpati Mela na Índia. “Na maioria das vezes fomos por edital das leis de incentivo federal e estadual, mas também já fizemos por financiamento coletivo e bancando os custos do próprio bolso”, conta o músico.

 

Fonte: Jornal do Buritis

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Envie-nos uma mensagem

Enviando

©2019 Meu Bairro Buritis | Todos os direitos reservados

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?